Mais uma entrevista com Enrique Peñalosa


Temos cidades há cinco mil anos, mas automóveis somente nos últimos oitenta. E os automóveis deformaram completamente as cidades.

(…)

Portanto, a pergunta é: como distribuir este espaço de circulação entre pedestres, bicicletas, transporte público e carros? E esta não é uma decisão técnica. Não existe um nível natural de uso do automóvel em uma cidade. Se houvesse mais espaço para os carros em Nova Iorque ou Londres, haveria mais carros. E se houvesse menos espaço, haveria menos carros. Logo, é uma decisão política: como queremos distribuir esse espaço?


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

%d blogueiros gostam disto: