Mais uma entrevista com Enrique Peñalosa

Temos cidades há cinco mil anos, mas automóveis somente nos últimos oitenta. E os automóveis deformaram completamente as cidades.

(…)

Portanto, a pergunta é: como distribuir este espaço de circulação entre pedestres, bicicletas, transporte público e carros? E esta não é uma decisão técnica. Não existe um nível natural de uso do automóvel em uma cidade. Se houvesse mais espaço para os carros em Nova Iorque ou Londres, haveria mais carros. E se houvesse menos espaço, haveria menos carros. Logo, é uma decisão política: como queremos distribuir esse espaço?

III Fórum Mundial da Bicicleta em Curitiba

A terceira edição do fórum tem tudo para ser um evento marcante que contribua na construção de cidades mais humanas, com a participação de professores, arquitetos e ativistas internacionais e de todo o Brasil. O conceito para esta edição é “A Cidade em Equilíbrio”, afinal, não é apenas um evento para ciclistas, mas sim, para toda a população. É preciso discutir, pensar e planejar soluções para que bicicletas, pedestres e motoristas possam conviver juntos.

O projeto tá no Catarse procurando por apoiadores.